Uma boa razão


26.nov.2010

Arquimedes Estrázulas Pires

A vida é um aprendizado contínuo que arrebenta os limites de cada existência e faz da eternidade o tempo que tem para se transformar em conhecimento; o mesmo conhecimento que nos fará sábios e nos levará à angelitude.

Haverá maneiras de medir o tempo e saber das distâncias, percorrida e a percorrer?

E com que propósito precisaríamos saber disso? Basta saber que estamos em busca da Perfeição e que é pra lá que estamos indo. Que importa o tempo se a eternidade inda é criança e só chegaremos a Deus quando houvermos incorporado por inteiro a Sua maneira de Ser?

Quando chegar o dia em que seremos sábios, então compreenderemos a importância das decepções, dos amigos da onça, dos sofrimentos, dos sacrifícios, das dificuldades e dos obstáculos à nossa passagem. Compreenderemos a importância das tristezas que nos fizeram mais fortes, saberemos que a morte é só um detalhe pra valorizar a vida, valorizaremos os amigos, brindaremos à lealdade, honraremos pai e mãe e teremos em Deus, definitivamente, o Ídolo Maior!

Não há melhor razão para o conhecimento, do que servir de chave para o Mundo de Deus.

Independentemente da quilometragem em que estejamos neste momento da viagem, é indispensável que ao olhar para o retrovisor percebamos que na bagagem há conhecimentos e coisas a compartilhar com quem caminha conosco. E é fundamental que andemos sem pressa, pra que tudo continue acontecendo a seu devido tempo.

Uma boa pessoa, é apenas uma pessoa que está passando pela vida sem grandes falhas e sem grandes tormentos. Mas, diferentemente, uma pessoa boa, é aquela que plantou e colheu de tudo um pouco nas lavouras do tempo e, no devido tempo, soube separar o que lhe serviria e disso fez seu patrimônio. Daí decorre a importância da determinação em sermos pessoas boas. Porque essas têm prática na prática do bem, têm conteúdo importantemente compartilhável, têm intimidade com o amor ao próximo, sabem o que é a caridade e, portanto, já têm à mão o bilhete de acesso à estação de embarque para a grande viagem de volta à Casa do Pai, onde serão recebidas com aplausos e alegria.

Paz e Luz!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Atlântida – No Reino da Luz – Vol. 1.

LIVRO - A HISTÓRIA DE UM ANJO