terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Universalismo Crístico


A Consciência Espiritual do 3º Milênio
         Com o objetivo de estimular a vontade de conhecer mais sobre essa magnífica Porta de acesso aos fundamentos do Amor, da Reencarnação e da Busca de Conhecimento e Sabedoria é que apresentamos, mais uma vez a quem nos lê, a possibilidade real de saber mais sobre o Universalismo Crístico, pelas palavras do Magnífico Canal das mensagens de Hermes, o Vetor Divino desse “Saber Eterno” que agora chega à Luz do Conhecimento humano.
Acesse o www.universalismocristico.com.br e ilumine-se com os ensinamentos que a Espiritualidade Maior nos passa através dos dotes mediúnicos de Roger Bottini Paranhos.
À guisa de ilustração dos nossos porquês a este estímulo, publicamos, a seguir, uma pergunta feita por um leitor e respondida por Roger Bottini Paranhos. Você também pode fazer as tuas próprias perguntas e obter as respostas que deseja ter. O conhecimento é o único caminho possível para a libertação das velhas tramas existenciais e para a sabedoria que ilumina a alma.
“Conhecereis a verdade e a verdade te libertará.” [Jo 6:38]  
                                                                                                                                                                                                   49 – Pergunta (22/11/2010): Roger, você acredita que o Universalismo Crístico se manterá puro com o transcorrer das décadas? Geralmente as pessoas, com o tempo, distorcem as verdades imortais, como aconteceu com todas as religiões, e que você muito bem relata em seus livros. Você acredita que o Universalismo Crístico não será distorcido ou, então, não se criarão dissidências a partir dele?

Roger:  O Universalismo Crístico é uma ideia, e não uma seita ou organização religiosa. Ele possui uma essência incorruptível baseada em seus três alicerces fundamentais: (I) : o amor ao próximo como a si mesmo buscando cultivar as virtudes crísticas de forma verdadeira e incondicional refletindo diretamente o amor do próprio Criador. (II) a crença na reencarnação do espírito e do carma, pois sem esses princípios não existe justiça divina. (III) a busca incessante pela sabedoria espiritual aliada ao progresso filosófico e científico com o objetivo de promover a evolução integral da humanidade. 

Além desses três princípios fundamentais, o Universalismo Crístico possui dois roteiros inabaláveis: (I) A lei do amor. Tudo que foge da maior das virtudes deve ser descartado, pois não provém de Deus. (II) A busca da verdade. Jesus nos ensinou: “Conhece a verdade e a verdade te libertará”.  A verdade está onde estão o bom senso e a lógica.

Se alguma dissidência ou novas ideias fugirem desses três alicerces e dois roteiros, poderá ser chamada de qualquer coisa, menos de Universalismo Crístico. E cabe a cada um de nós, que buscamos a universalidade do saber espiritual, jamais dar respaldo a essas novas dissidências que fogem desses princípios. Obviamente que devemos sempre respeitar as ideias alheias e até mesmo apoiá-las, se forem  alicerçadas no amor, no entanto, não podemos jamais permitir que o Universalismo Crístico corrompa a sua essência. A essência do UC já é bem ampla e permissiva. Trata-se apenas de um roteiro que tem por objetivo apoiar a caminhada espiritual da humanidade, permitindo a todos liberdade de ação. Se consentirmos que seu “esqueleto central” seja corrompido, o Universalismo Crístico perderá a sua importância e destaque acima das religiões, e tornar-se-á mais uma das milhares de crenças e seitas que existem pelo mundo. Somente a sua estrutura consolidada e incorruptível manterá a sua mensagem universal e perene.

O Universalismo Crístico é a “chave” de tudo... é a pedra filosofal da Nova Era! E tal tesouro precisa ser protegido pelos templários modernos de quaisquer distorções e incompreensões, com verdadeiro espírito de amor e fraternidade.

Nenhum comentário: